CAXIAS DO SUL- PRAÇA DANTE ALIGHIERI- 1908 E 1947

Vista parcial da Praça Dante Alighieri quando da visita de um dos Tiros de G


uerra
de Porto Alegre. A praça estava passando por reformas, remodelação e
nivelamento. Identificadas as seguintes edificações, conforme a legenda:
1-antiga residência de Abramo Pezzi;2-antiga Canônica;
3-Catedral Diocesana (Igreja de Santa Teresa);4-agência da Posta de Curtulo.
Caxias do Sul, 1908
Fotógrafo: Domingos Mancuso
Acervo Renan C Mancuso


Fonte-  PALAVRA E PODER- Câmara de Vereadores de Caxias do Sul
Pesquisa e Texto Anelise Cavagnolli- Eduardo Ziegler Reis- Geni Salete Onzi





DENOMINAÇÕES DE CAXIAS 
1875 Colônia aos Fundos de Nova Palmira, também conhecida como Campo dos 
Bugres. 
1877 Colônia Caxias 
12 de abril de 1884 Freguesia de Santa Teresa de Caxias
1910- Caxias
Pelo Decreto-lei nº 720, de 20 de dezembro de 1944, foi alterado o nome de 
Caxias para Caxias do Sul.
 POPULAÇÃO

1879 6.398 habitantes 1885 10.591 habitantes - 5.707 sexo masculino e 
4.884 sexo feminino; 2.856 alfabetizados; 7.735 analfabetos; 7.237 italianos; 
1.045 austríacos (tiroleses latinos); 416 alemães; 12 franceses; 5 espanhóis e 
1.876 brasileiro


1890- população 16.000 habitantes

1900- população 24.997 habitantes
1910- população 23.965-
1920-população 33.773 habitantes
1930- população 32.662
1930 32.622 habitantes
1940 39.500 habitantes
1950 53.850 habitantes
1960 102.333 habitantes





20 de junho de 1890 Emancipação da Vila de Santa Teresa de Caxias de 
São Sebastião do Caí.
1895 Inaugurada a linha telegráfica Porto Alegre-Caxias (13 de novembro).
1910 Chegada do trem, que rompeu o isolamento e impulsionou a economia 
da região. 1910 A Vila de Santa Teresa de Caxias foi elevada à categoria de 
cidade (Decreto n1.607).
1912 Instalação de linha telefônica entre os distritos de Nova Vicenza, Nova Milano,
 Nova Pádua e a sede. Em Nova Trento a linha telefônica foi instalada em 1907.
1913 Chegou a energia elétrica.
1921 Implantação da Estação Experimental de Viticultura e Enologia em Caxias.
1927 Construção da hidráulica municipal. Em novembro de
 1928, iniciou a operação do Sistema Dal Bó e a água destinada à população 
passou a ser tratada.
• A partir de 1930, as Intendências Municipais passaram a ser denominadas 
Prefeituras Municipais. • Decreto nº 19.398, de 11 de novembro de 1930, 
dissolveu o Poder Legislativo em todo o país. • Decreto nº 20.348, de 
29 de agosto de 1931, instituiu os Conselhos Consultivos nos estados 
e municípios. • Em 17 de novembro de 1935 foram eleitos sete vereadores. 
O Poder Legislativo nos municípios passou a ser denominado de Câmara de 
Vereadores. • Em 11 de novembro de 1937 foram novamente extintos o Senado,
 a Câmara dos Deputados, as Assembleias Legislativas e as Câmaras de Vereadores,
 inexistindo Poder Legislativo até 1947.
• Em 29 de novembro de 1947 foram eleitos onze vereadores para a Câmara 
Municipal de Caxias do Sul. • Em 1960 foi eleita a primeira vereadora no 
Legislativo Caxiense: Éster Troian Benvenutti. • Em 31 de março de 1964 
ocorreu o golpe militar no Brasil. • Em 20 de abril de 1964 foi aprovada a 
cassação dos vereadores da Aliança Republicana Socialista (ARS) pela 
Câmara Municipal de Caxias do Sul. SEDES DO PODER LEGISLATIVO 
De 1931 a 1937 Rua Visconde de Pelotas, onde hoje
De 1931 a 1937 Rua Visconde de Pelotas, onde hoje está o Museu Municipal 
De 1947 a 1962 Rua Dr. Montaury, onde hoje está a Casa da Cultura 
De 1962 a 1988 Rua Garibaldi, 6º andar do Edifício Mútuo Socorro
 NÚMERO DE VEREADORES De 1931 a 1935 Três conselheiros
consultivos De 1935 a 1937 Sete vereadores De1948 a 1955 Onze 
vereadores De 1956 a 1972 Quinze vereadores